terça-feira, 31 de janeiro de 2017

UPA de Cruz das Armas já realizou mais de 6,5 mil atendimentos em um mês de funcionamento



UPA Cruz das Armas (Foto: Juliana Santos).
Um mês após a inauguração da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Cruz das Armas, o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, visitou, na manhã desta segunda-feira (30), a unidade para conversar com profissionais e pacientes e avaliar o atendimento à população. Nos primeiros 30 dias de funcionamento, a UPA já realizou 6.568 atendimentos, o que corresponde a uma média diária de mais de 200 pessoas acolhidas. “A população tem dito espontaneamente da qualidade do atendimento e isso nos deixa feliz porque não é só o investimento em si de uma obra deste porte, mas o significado que ela tem em melhorar a vida da população”, afirmou Luciano.

Do total de casos atendidos no primeiro mês, 5.362 foram adultos e 1.206 atendimentos pediátricos. A UPA de Cruz das Armas atende a uma população de aproximadamente 200 mil pessoas de toda zona Oeste da cidade. Mas moradores de outras regiões e até de outras cidades tem recorrido ao serviço para atendimentos de urgência e emergência. Como é o caso do aposentado Fábio Bezerra, que reside com sua esposa no Ernesto Geisel, localizado na zona Sul da Capital.

O casal é pessoense, mas os dois viveram alguns anos fora da Paraíba, até resolverem voltar para João Pessoa por conta dos serviços de saúde prestados no serviço público municipal. Fábio tem alguns problemas de saúde, mas na última semana o que o deixou preocupado foram fortes dores que ele estava sentindo no peito. “Nós não temos condições financeiras de pagar por saúde privada e aqui na cidade o atendimento e a assistência pública é muito bom”, afirmou Fábio Bezerra.

De acordo com o prefeito, as visitas às unidades de saúde serão um trabalho de rotina para assegurar o alto padrão de atendimento. “Visitando a UPA podemos ver que as pessoas estão sendo bem atendidas, com um serviço de qualidade. Vamos continuar investindo na saúde de João Pessoa porque este é o caminho para a gente melhorar a qualidade de vida das pessoas. E a rede de UPAS que estamos montando na cidade demonstra nosso compromisso com a saúde. Manteremos estas visitas, acompanhando de perto também o serviço que é prestado nas Unidades de Saúde da Família, na nossa rede hospitalar, para mantermos o padrão que nossos usuários já estão tendo”, disse o prefeito.

De acordo com diretora geral da UPA, Roberta Barros, um dos motivos do grande número de atendimentos neste primeiro mês de funcionamento é a localização da unidade. “Estamos próximos à entrada da cidade e acaba que recebemos pessoas de outras regiões de João Pessoa e até mesmo de outros municípios”, explicou. Só nos primeiros 30 dias, foram registrados atendimentos a pacientes de municípios como Conde, Bayeux e Santa Rita, entre outras cidades.

Os casos mais comuns que têm chegado à unidade são: dor abdominal, dor de cabeça, dor torácica, náuseas, vômito e diarreia. Mas a dona de casa Margarete Evangelista procurou a UPA após sentir dores no pé. “Estava sem conseguir andar de tanta dor, mas chegando aqui fui atendida rapidamente no acolhimento e pela médica. Já fiz o exame de raio x e agora estou esperando o resultado”, disse.

Só neste primeiro mês, foram realizados aproximadamente 600 exames de raio x e mais de quatro mil exames laboratoriais. A equipe de profissionais formada médicos, enfermeiros, bioquímicos, farmacêuticos, assistentes sociais, técnicos em enfermagem, técnicos em radiologia, maqueiros, recepcionistas, auxiliares administrativos e serviços gerais se esforça para oferecer o melhor atendimento ao público 24h por dia.

A diretora do serviço ressalta que também tem recebido casos que não se enquadram no perfil de atendimento de uma UPA. 

“Nós fazemos o primeiro atendimento, estabilizamos o paciente e depois encaminhamos para o serviço mais indicado”, explicou Roberta Barros.

Estrutura – Com uma área de 2,5 mil metros quadrados, a UPA Augusto Almeida Filho conta com 14 leitos, sendo três de sala vermelha (para pacientes em estado grave), seis de sala amarela (cuidados intermediários), três de pediatria e dois de isolamento.

A estrutura ainda é composta por seis consultórios, sendo quatro para médicos clínicos e dois pediátricos; salas para classificação de risco, raio x, medicação e inalação; laboratório de análises clínicas, farmácia, central de material e esterilização, almoxarifado e uma base descentralizada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

A UPA Augusto Almeida Filho foi inaugurada pelo prefeito Luciano Cartaxo no dia 28 de dezembro de 2016. A cidade já contava com outras duas unidades de pronto atendimento: UPA Célio Pires de Sá, localizada no Valentina Figueiredo e inaugurada em 2014; e a UPA Oceania, em Manaíra e inaugurada em 2011.


Por Thibério Rodrigues e Flávio Asevêdo

Fonte: PMJP

0 comentários:

Postar um comentário

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | JCPenney Coupons